Alma feminina

Dica de Vlog Cristão: Simplifique!

14:27


Olá, princesas! Nesses dias tivemos aqui o testemunho da Zoe Lilly, hoje venho apresentar a vocês o Simplifique, o vlog da Zoe!

O vlog Simplifique já diz tudo no próprio nome. Sabe aquela história de que a vida é fácil e nós é que somos os complicados?! Pois é, é exatamente isso. A Zoe aborda temas que muitas vezes causa aquele embaraço na nossa cabeça, mas de uma forma simples e clara.
São alguns temas: Amizade colorida? Namoro Goixpél?! Como é a pessoa ideal? Principe encantado ou mulher maravilha? Entrando numa fria?, entre muitos outros!








E aí, curtiram? Espero que sim! Curtam também a página da Zoe Lilly e a página do Espaço das Meninas Cristãs!

Abraços,
Claudiane Almeida

Alma feminina

O Silêncio de Deus

15:48

foto: We Heart It

Orações que parecem não ser ouvidas, dores que parecem não ter fim. Parece que o céu está fechado e que Deus está em silêncio. Na nossa caminhada cristã já passamos ou passaremos por situações semelhantes. Mas, o que significa o silêncio de Deus? Por que parece que Ele não nos ouve ou não nos quer ouvir? Há muitos aprendizados por trás do silêncio de Deus.

Mas o que gera esse silêncio?! 
Bom, eu acredito em pelo menos três causas:

1 - O pecado. Em Isaías 59:1-2 NVI, diz "Vejam! O braço do Senhor não está tão curto que não possa salvar, e o seu ouvido tão surdo que não possa ouvir. Mas as suas maldades separaram vocês do seu Deus; os seus pecados esconderam de vocês o rosto dEle, e por isso Ele não os ouvirá." Quando pecamos a primeira coisa em nossa vida que sente esse peso é a nossa vida com Deus. É como um muro que se poe entre nós e Deus.

2 - A desobediência. É o que gera o pecado. Romanos 5:19a "Logo, assim como por meio da desobediência de um só homem muitos foram feitos pecadores". Muitas vezes desobedecemos a vontade de Deus, pegamos um caminho oposto à Sua vontade, mas nem ligamos. Insistimos em algo, algum sentimento errado, que Ele já nos alertou que não seria bom para nós. Só enxergamos que erramos quando vemos as consequências da desobediência, o silêncio é uma delas.

3 - Um teste de Deus. Onde Deus prova o nosso coração e até onde vai a nossa fé. Foi o que aconteceu com o rei Ezequias. 2 Crônicas 32:31b "Deus o deixou, para prová-lo e para saber tudo o que havia em seu coração."

O último silêncio de Deus que passei foi para mim um verdadeiro teste. Eu me esforçava para andar em santidade, viver longe do pecado e a estar sempre perto de Deus, orando, jejuando e meditando em Sua palavra. De repente tudo começou a esfriar. Eu não sentia mais Deus. Ouvia, lia a palavra, mas ela não entrava em meu coração como antes. Minhas orações pareciam não passar do teto, parecia que o céu estava fechado sobre mim. E a dor por estar longe de Deus corroía meu coração. Não aguentava mais aquilo e comecei a clamar buscando uma solução. Clamava pelas madrugadas e, enquanto todos em casa dormiam, eu me ajoelhava em meu quarto para orar. As minhas palavras não passavam de:

"Deus, fale comigo. Eu não sei o que eu fiz de errado, se eu errei, se eu pequei contra o Senhor, por favor me perdoe. Mas não esteja longe de mim, não cale-se para mim. Suas palavras são vida, eu preciso dessa vida em mim. Não aguento tanto sofrimento, não aguento Teu silêncio."   

Depois de algumas semanas, veio a resposta. Um versículo somente: "Porque vivemos por fé, e não pelo que vemos." 2 Coríntios 5:7 NVI. Essa palavra saltou diante dos meus olhos. Por ela descobrir que aquele silêncio era um teste e o que Deus estava testando em mim era a minha fé. Enfim, Ele falou comigo. Aquela voz suave soou em meu coração dizendo: "Você não precisa me sentir para saber que eu estou contigo. A minha palavra já diz a verdade, ela é a verdade: Eu estou contigo. Não importa se você sinta ou não, isso não muda a minha palavra." 

Dali para frente aquele silêncio foi quebrado. Agora quando esses desertos de silêncios vêm, eu me analiso para saber como agir. Não importa por qual meio o silêncio vem, sempre há uma solução. Para o pecado, a solução é o perdão. Para a desobediência, a reconciliação. E para o teste, ser persistente é o que te fará vencer.

Tem cristãos que quando passam pelo silêncio de Deus param de orar, param de ler a Palavra, estagnam na fé. Jamais faça isso, ore o dobro do que orava antes, leia muito mais a Palavra e seja perseverante. Sim, é ótimo poder sentir Deus, sentir que Ele nos ouve e responde nossas orações, mas se você não sentir mais isso tudo, isso jamais mudará o fato de que Ele está com você.

Às vezes o silêncio vem na hora em que mais precisamos de Deus, em momentos difíceis, de decisões... Mas lembre-se de que Deus jamais deixará que você passe por algo que não pode suportar. No silêncio Ele ainda está trabalhando. E depois do silêncio sempre há uma compensação. Foque no "depois da tempestade" e não na tempestade.

Claudiane Almeida

Testemunho

Testemunho | Zoe Lilly

15:30


Sou Zoe Lilly, cheia de vontade de viver abundantemente e ao mesmo tempo bem reservada em ocasiões sociais. Cresci em São Paulo, morei em outros países durante minha vida super comprida de 29 anos. – mas meu coração sempre foi muito brasileiro. Amo cozinhar, especialmente doces – faço de tudo menos feijão. Faço zilhões de coisas ao mesmo tempo, consigo assistir um filme, desenhar e falar no telefone. Chega até ser irritante para todos, porém este hábito não é só no meu cotidiano, mas é a minha vida em si. Penso em minha vida como em 3 partes: minha carreira de artes visuais (pintura & ilustração – empresa Pumpkin), meu mundo musical (cantora e compositora – gravando meu 2° álbum solo) e trabalho quase tempo integral no ministério (lidero, ministro & ensino sobre adoração). Até hoje nem sei como consigo fazer o que eu faço em apenas 168 horas por semana – mas com certeza tenho uma ajudinha básica de alguns anjos e uma renca de gente queridíssima com quem trabalho junto diariamente. Sozinha nunca conseguiria. Sou filha de pastor, irmã de pastor, sobrinha de pastor, prima de pastor, neta de pastor --- enfim, não tinha como escapar da verdade. Tive encontros sobrenaturais com Deus quando tinha 5 anos, e foi assim que entreguei minha vida para Ele, mas foi na minha adolescência que encontrei minha verdadeira paixão: Jesus Cristo.

Sempre fui uma garota com valores bíblicos e fazia as coisas que agradavam minha mãe (pelo menos tentava) mas tinha zero interesse por intimidade com Jesus. Acreditava em Deus, já tinha visto Seu grande poder manifestado, já tinha presenciado milagres e acreditava com muita força na Bíblia. Mas meu coração era seco e frio em relação a pessoa de Deus. Eu não sabia o que era amá-Lo de TODO coração.
Na época tinha uns 14 anos, e como uma típica adolescente, era respondona e rebelde. No meio de uma discussão com minha mãe, ela (mulher japonesa cheia de Deus e força) muito brava me disse: “Filha, eu vou desistir. Não aguento mais ficar falando pra você buscar mais de Deus! Ou você vive para Ele ou nem vale a pena você viver. Hoje a noite você não dormirá e passará a noite em claro buscando por Ele. Vai já pro quarto!”

Eu fui com ‘aquela’ vontade para o quarto e pensei: “vou me ajoelhar aqui no chão com um travesseiro, vou dormir nesta posição e caso ela abrir a porta vai achar que estou orando.” Fechei a porta do meu quarto e me ajoelhei, mas resolvi fazer uma pequena oração antes de dormir, porém foi a oração mais perigosa que fiz até hoje: "Senhor Deus, minha mãe gosta MUITO de Você, mas eu nem tanto. Mas já que ela tanto quer que eu Te queira, se puder, por favor coloque em mim fome e sede por Ti. Pois não quero fingir que Te amo, então me faz Te amar. Amém." Fui dormir em posição de ajoelhada no chão, acordei no próximo dia e fui para escola, tudo parecia normal. Passaram-se algumas semanas e um dia cheguei da escola e vi um VHS perto da TV (ainda não existia DVDs) e resolvi ver o que era. Comecei a assistir o vídeo e era um monte de jovens loucos, chorando, tremendo no poder de Deus – era o avivamento em Pensacola, FL – EUA em 1995. Eu achei aquilo bizarro mas continuei a assistir, de repente algo entrou na sala de TV e ao desligar a TV cai no chão chorando compulsivamente por mais de 2 horas.

Veio um arrependimento que nunca havia experimentado, senti Jesus me chamando para Ele. Este foi o primeiro encontro íntimo com Jesus que mudou minha vida completamente. Minha mãe no final da tarde chegou em casa e ela me disse que quando me viu, eu era outra – tinha outro rosto. Tenho até provas fotográficas! Jesus mudou minha vida completamente. Hoje sou uma esfomeada, louca de amor pela presença Dele – mas quero ser mais ainda sedenta, quero alcançar mais ainda – mas Ele me estragou pra tudo que não era Dele. Esse foi o começo da minha jornada que estou até hoje. Tem dias difíceis, houve dias que não O sentia como antes, dias que pareciam que tudo tinha sumido – mas daí me lembrava desse dia quando vi a Cruz, quando entendi de onde Ele me tirou e onde Ele me colocou – e assim meu coração se enchia de gratidão e quebrantamento, assim logo a presença Dele retornava.


Sou perdoada, mesmo por aquilo que ainda vou errar – sou amada independente do que farei ou serei. Ele não vê a hora de te encontrar como me encontrou, Ele não vê a hora de te dizer quem você é de verdade, de fazer amada e completa. Corra até Ele, o que você está esperando? Faça uma oração perigosa e veja Ele te transformar eternamente. Estou nessa com você também!

Zoe Lilly


Vez da Leitora

Vez da Leitora: Cinthia Santos

16:54

VOCÊ TEM A FORÇA, JOVEM!

Já parou pra pensar que as maiores revoluções que já aconteceram na história foram feitas por jovens? Os jovens têm força, e trazem renovo de atitudes e pensamentos. “Eu vos escrevi, jovens, porque sois fortes, e a palavra de Deus está em vós, e já vencestes o maligno.” 1 João 2:14 O jovem por si só já é forte e tem fôlego de sobra. E o jovem cristão, então?! Faz faculdade, curso, trabalha, cuida do ministério de louvor, dança, teatro, infantil, frequenta ensaios, vai aos cultos, congressos de jovens, vigílias, célula, reuniões, conferências... ufa! E, ainda arruma tempo pra sair e curtir um momento de comunhão com a galera! Fala sério, o jovem tem muito pique, né?! Na história bíblica de Ananias e Safira, casal que morreu por ter pego pra si o dinheiro que era do Senhor, vemos que assim que Ananias morreu, seu corpo foi retirado do templo. Quem retirou o corpo da igreja?

“E, levantando-se os moços, cobriram o morto e, transportando-o para fora, o sepultaram.” Atos 5:6 OS JOVENS! Os jovens tiraram o corpo morto da igreja! Logo concluímos que, são os jovens que levam pra fora, as coisas mortas que estão dentro da igreja, e a vivificam! São os jovens que acolhem e trazem novas ideias, sem deixar os valores se perderem, para a igreja! Às vezes perdemos a noção da nossa força, não conseguimos enxergar o que somos capazes de fazer! É claro que, por muitas vezes somos incompreendidos, e não nos levam a sério. Mas, isso NÃO é motivo pra desanimo! Somos capazes! E, podemos ser usados para abençoar a vida de muitos e ganhar muitas almas pra Cristo! Podemos ser usados para quebrar as amarras do tradicionalismo que limitam nossas igrejas!

Devemos ser inconformados com este mundo, devemos causar uma revolução, uma transformação, pra que o mundo veja a nossa LUZ! “e não vos conformeis com este mundo, mas transformai-vos pela renovação da vossa mente, para que proveis qual é a boa, agradável e perfeita vontade de Deus. Romanos 12:2 Não deixe o período da sua juventude passar sem plantar sementes, sem impactar a sua geração! “Lembre do seu Criador enquanto você ainda é jovem, antes que venham os dias maus e cheguem os anos em que você dirá: "Não tenho mais prazer na vida." Eclesiastes 12:1

{Cínthia Santos, 19 anos, São Paulo - Brasil}

Alma feminina

Propósito: Caixinha da Gratidão

22:33

Olá, princesas. Quanto tempo, não é?! Como passaram de Natal e Ano Novo? Espero que bem. Bom, hoje trago um propósito que uma querida leitora (Thalia Sutil) me recomendou, eu batizei de CAIXINHA DA GRATIDÃO.

Você é daquelas que quando chega o fim de ano acha difícil lembrar dos dias bons, pois só vêm a mente os dias de tempestades?! Isso não é bom, pois as lembranças acabam trazendo consigo muita tristeza e desânimo. Para mudarmos este quadro podemos fazer esse propósito.

Primeiro, encontre ou compre uma caixinha. Eu encontrei uma que ganhei há um bom tempinho (já tá bem velhinha rs), eu guardava bijus nela. É bem fofinha, não é?! Você pode personalizar a sua se preferir; colar adesivos, pintar, desenhar etc.

O propósito consiste em anotar em um papelzinho algo de bom que Deus fez na sua vida. Pode ser diário ou não, você decide. Coloque data, dobre e guarde na caixinha. Depois que você colocar lá não poderá ler. A ideia é só abrir a caixa no Ano Novo, ler todos os papeizinhos e se lembrar das coisas maravilhosas que Deus te proporcionou no ano anterior para que você possa ativar a sua gratidão por Deus.
Gostaram? Eu já estou enchendo a minha caixinha.

Abraços,
Claudiane Almeida

Like us on Facebook