Bv Books

Resenha | Pérola na Areia

10:45

Olá, meninas! Primeiramente quero pedir mil perdões pelo atraso dessa resenha, sei que muitas estavam esperando ansiosamente. Esses últimos dias foram muito corridos para mim. Espero que entendam.
Bom, vamos ao assunto! Pérola na Areia é um lançamento da Bv Books. Apesar de estar fugindo um pouco de romances (kkkk longa história), mantive a minha mente aberta e valeu muito a pena, pois o livro me surpreendeu. Mal vejo a hora de ler outros escritos de Tessa Afshar!

PÉROLA NA AREIA (PEARL IN THE SAND)
AUTORA: TESSA AFSHAR
PÁGINAS: 360
EDITORA: BV BOOKS
GÊNERO: FICÇÃO

Sinopse:
Como uma gentia, marcada por um passado arruinado e de má reputação, pode fazer parte da linhagem de Cristo e se tornar símbolo de fé autêntica e irrepreensível diante de Deus? Seria possível.
Alguns podem questionar o fato de Raabe ter sido respeitada, a ponto de ter seu nome escrito nas Escrituras, mas poucos teriam a mesma ousadia. O livro Pérola na Areia quebra alguns tabus acerca da redenção dessa mulher que, embora gentia, reconheceu a soberania do Deus de Israel e ousou enfrentar o seu próprio povo. Ela fez a graça de Deus alcançar sua vida, tornando o pecado como fio escarlate, agora, na pureza mais alva que a neve. Todos conhecem a história de Raabe, a prostituta, mas poucos reconhecem que foram sua ousadia e fé balizadas pela boa obra que salvaram os espiões e os ajudaram a conquistar a Terra Prometida. Pérola na Areia o conduz a uma incrível e emocionante jornada pela história de uma gentia, que, em meio a uma nação pagã destruída, teve a vida poupada como fruto de sua fé sincera. Vemos, também, que Salmom — um grande homem de fé, influente líder de Judá estimado em toda Israel e inimigo dos gentios — fará Raabe redescobrir um sentimento intenso e conflitante que começará em seu próprio coração. Descubra como uma gentia alcançou tal graça diante de Deus e fez parte da genealogia de Cristo.

Pérola na Areia - A História de Raabe - Tessa Afshar
Créditos: Bv Books

-----------------------------------------


Raabe aos quinze anos foi levada ao mundo da prostituição pelo próprio pai - o homem que ela tanto amava e admirava. Com as esperanças esmorecidas e o pavor de ver sua família ser morta por causa da fome, Inri, pai de Raabe, se vê obrigado a tomar uma decisão: vender a sua própria filha para conseguir sustento. Foi uma decisão no começo bastante incompreensível, imagine estar na situação de Raabe que tinha apenas quinze anos! Ela se viu diante de um dilema: ou recusaria e via sua família morrer de fome, ou aceitaria e perderia sua inocência, mas manteria sua família viva. Depois de relutar tanto consigo mesma, ela aceitou - mas porque amava tanto a sua família a ponto de não querer vê-los mortos por sua culpa.

Passados anos naquele mundo terrível Raabe vivia uma vida sem esperanças no futuro. Ela tinha poucos clientes, o motivo era o abismo de solidão que o pecado causava em seu peito. Até que conheceu Debir, um general do exército - um dos melhores militares de Jericó. Naquele mundo solitário, Debir serviu como um grande amigo. Batiam altos papos e foi num desses que Raabe ouviu pela primeira vez falar dos hebreus e do seu Deus que dizia ser o criador dos Céus e da Terra. Ah, desde pequena Raabe decidiu odiar os deuses do seu povo, que como ela mesma via, exigia sacrifícios mas não movia um dedo para ajudar-lhes! Porém, o Deus dos hebreus parecia diferente, um Deus invisível??! Que se preocupava e se importava com o Seu povo??! A curiosidade para saber sobre esse tal Deus foi imensa. E a pergunta que ficava no ar era: Será que Deus se importava com ela?!

O incrível do livro é que você pode acompanhar alguns fatos com a sua bíblia (a partir de Josué 2). Desde quando Raabe escondeu os espias, a queda do muro, as batalhas etc. Só que na bíblia, sobre Raabe, lemos o seguinte:
"Assim deu Josué vida à prostituta Raabe e à família de seu pai, e a tudo quanto tinha; e habitou no meio de Israel até ao dia de hoje; porquanto escondera os mensageiros que Josué tinha enviado a espiar a Jericó. Josué 6:25"
Isso significa que ainda havia muralhas a serem derrubadas. E convencer a sua família a se unir a Israel era uma delas. Imagine ter de recomeçar as suas vidas do zero - literalmente?! Abandonar a sua vida passada, com seus deuses, seus costumes, seus pecados, para começar tudo de novo. Era um imenso desafio. E vencer os preconceitos da parte de Israel era outro.

Podemos terminar a resenha por aqui, meninas?! Sei que falta a parte do romance, mas é que é tão linda que não quero soltar um spoiler e acabar com a sua leitura rs'. Está bem, vou contar só  um pouquinho!

O fim de Raabe está em Mateus 1:4-5
"E Arão gerou a Aminadabe; e Aminadabe gerou a Naassom; e Naassom gerou a Salmom;
E Salmom gerou, de Raabe, a Boaz; e Boaz gerou de Rute a Obede; e Obede gerou a Jessé;"
Sim, Raabe fez parte da genealogia de Jesus! Tudo isso aconteceu por causa de um amor im(possível). Este amor fez com que uma nova batalha fosse gerada, mas agora no coração de Raabe e o motivo tinha um nome, Salmom - um dos líderes de Israel. Alto, olhos grandes, bonito, mas frio. Aquele homem despertou dois sentimentos que, se juntos num só coração, podem causar muitos alvoroços: admiração e medo.
Como ela, que se prometeu não confiar em qualquer outro homem, lidaria com esse sentimento? E o medo de ser rejeitada como sempre foi?! De ser descartada como um simples objeto usado?!

Leitura super recomendada! Você vai amar se envolver nessa história cheia de suspenses emocionantes, jornadas incríveis em busca da cura e do amor puro e verdadeiro. E assim como eu, vai ficar caçando os nomes Salmom e Raabe na mesma página. E em outras vezes vai se sentir uma intrusa por estar lendo pensamentos tão pessoais e privados de dois apaixonados.


Pérola na Areia não se trata apenas de um romance, na verdade o romance é apenas a cereja do bolo. Porque a história é revestida de suspense e ação com as batalhas que Israel enfrentava, todas descritas nas escrituras. Realmente Tessa me deixou com um gostinho de quero mais. (Por favor, publiquem mais livros de Tessa Afshar!!!).

 Nesses dias consegui conversar com ela - obrigada, Facebook e Google Tradutor! haha'- . Perguntei a ela o que a havia inspirado a escrever este livro e qual mensagem essa história passaria para nós. Ela respondeu:
"Seu Inglês é bom, Claudiane. (ok, ela não sabia do Google Tradutor! kkk') Eu escrevi a história de Raabe, porque ela é uma escolha tão surpreendente como uma dos antepassados ​​de Jesus. Eu queria saber por que Deus escolheria ela ao invés de tantas outras. Por que uma prostituta cananéia em vez de uma menina judia? O que isso diz sobre Raabe? O que isso diz sobre Deus?"
 Enfim, terminamos essa resenha com as perguntas de Tessa refletidas em nós. Por que Deus me escolheu ao invés de muitas outras? Por que Ele escolheu me amar? O que isso quer dizer de mim? (que sou preciosa? que sou amada? que sou perdoada?). E o que isso tudo revela sobre o caráter de Deus? (que Ele se importa? que Ele perdoa? que Ele nos dá chances para recomeçar?).

Desejo uma ótima leitura a vocês.

TESSA AFSHAR
Tessa nasceu no Irã em uma família nominalmente muçulmana, e viveu lá durante os primeiros 14 anos da sua vida. Quando os seus pais se divorciaram, se mudou para a Inglaterra, onde viveu num internato para meninas e se apaixonou pelas escritoras Jane Austen e Charlotte Bronte. Tessa sempre gostou de ler, mas na sua adolescência na Inglaterra se tornou uma verdadeira amante da ficção. Cursou Teologia  na Yale University nos Estados Unidos, onde viveu a maior parte da sua vida. Se converteu ao cristianismo aos vinte anos, e isso mudou o curso da sua vida. Através de todas essas perdas e mudanças, Deus a ensinou algumas verdades preciosas, e isso é, em parte, sobre o que ela escreve.

SITE DA AUTORASITE DA EDITORA

Abraços,
Claudiane Almeida 

Testemunho

Testemunho | Elisa

11:47


O ano de 2009 foi o que Deus escolheu para começar uma mudança radical na minha vida. Eu tinha exatos 12 anos quando visitei a minha igreja atual e sem entender como, fui até o altar e me converti ao Senhor. Eu digo que essa mudança foi muito rápida, porém, por etapas. No ano seguinte me batizei, depois meu pai e depois minha mãe. Em cada ano vivi uma dessas proezas. Em 2013 vivi a maior dessas proezas, os meus pais se casaram na igreja. Foi simplesmente um sonho impossível que aconteceu. Só quem nos conhecia de perto sabe dizer como era: Brigas constantes dos meus pais, vício alcoólico, traição e por aí vai. Uma vez cheguei a dizer para minha mãe deixar o meu pai e sair de casa. Mas, enfim, hoje temos paz dentro de nós, dentro de nossa casa que não tem outra explicação a não ser Deus. Não somos uma família perfeita, meus pais não são um casal perfeito, mas, somos instituição de Deus na Terra. Contudo, como qualquer vida com Cristo, chegamos naquele período de descobertas. Descobrimos que muitos não são o que diziam ser, descobrimos que nosso melhor amigo é Deus, descobrimos que o tempo do Senhor não é o nosso tempo, e várias outras coisas que são sempre ditas e só fazem sentido completo quando vividas. Eu sei e já foi confirmado que esse ano é lindo pra minha vida e com mais proezas, porém o desânimo está batendo, e é o que justamente eu aprendi:" Em vários pontos de alguma caminhada tem-se o desânimo, isso é circunstância da vida. Mas, quando você para por causa dele, é responsabilidade sua." O que quero afinal é te ajudar a lembrar que Deus sempre fez algo por você, Ele sempre lembra de você. Por mais difícil que seja de entender, sua vida já é um lindo testemunho da parte de Deus. E você, como eu, pode estar desanimada em vários momentos. Na busca pelo emprego, querendo que a família - ou um parente - se converta, na espera do(a) prometido(a), uma porta que precisa se abrir. Tudo isso Ele conhece. Sendo, que Deus não te dará algo que te afaste dEle.( E eu sei que você já sabe disso, mas precisa Entender). Sabe, às vezes fico mega ansiosa, perguntando pra Deus onde está meu prometido rsrsrs. E logo me manco: Quando eu olhar para o céu e ter a convicção dentro do meu coração que Deus é o meu amor e Jesus de verdade é o que eu preciso, aí Deus vai mandar meu varão. Sabe porquê? Eu não posso amar meu prometido mais do que a Deus, eu não posso amar meus pais mais do que a Deus. A vida com Cristo é cheia de surpresas e desilusões do mundo. Mas, eu te garanto, eu te garanto que vale a pena. Seus amigos talvez não entenda, ou não dê muita atenção para o que você passa, porém, se você dobrar o joelho e clamar a Deus em um momento só vocês dois, Ele vai te responder. E assim como Ele faz na minha vida fará ainda mais na sua. Deus te abençoe.

Vez da Leitora

Vez da Leitora: Jéssica Cristine

14:00

APENAS UMA ORAÇÃO

Eu estou cansada de pedir perdão. Cansada de errar, e cometer o mesmo erro repetidas vezes. Sei que tenho sido falha, Papai. Sei que tenho ferido teus sentimentos, e o amor que em mim depositas. Queria escrever mais um pedido de perdão, mas me senti envergonhada da mesmice que se encontra minha vida: errar, pedir perdão, errar de novo. Sei o quanto é bondoso Papai, mas também sei que como Pai o Senhor pode punir. Então, aqui sento para te escrever um desabafo, para despejar os sentimentos que me ferem. Sinto vergonha, culpa e um medo gigante. Tenho te afastado de mim, dos meus caminhos e do controle da minha vida. E como um filho pequeno longe da mãe, eu não sei dar um passo sem que eu caia, ou quebre algo. Sem tua presença, eu não dou um passo na direção certa, eu não dou um passo sem tropeçar no meu próprio “espirito juvenil”, no desejo de “curtir a vida enquanto eu posso”. Deus, como eu tenho errado. Deus, como tem sido difícil sem você aqui. E hoje Papai, percebi que a vida não faz nenhum sentido se não for guiada por Ti, que os erros sempre existirão na vida de quem insiste em querer se afastar de Ti. Agora, Papai, é como filha falha que te peço pra entrar novamente na minha vida, para voltar a guiar os meus passos para que eu não erre mais, para que eu possa ouvir tua voz e obedecer, para que possamos ser os melhores amigos que somos. Permanece na minha vida, e não deixe que eu te abandone. Já sinto seu abraço. Como eu senti saudade, papai. Que Deus em Cristo nos abençoe!


{Jéssica Cristine, Piauí - Brasil}

Moda Cristã

Moda Cristã: Estilo Girlie

10:12


A palavra Girlie, significa: "menininha ou garotinha". É um estilo inspirado nos anos 60, e sua característica é ser extremamente feminino e ao mesmo tempo moderno, já que é a releitura da delicadeza feminina da época. É simplesmente o romantismo em pessoa com uns toques vintage.

E por falar em romantismo... qual menina não gosta de romantismo?! Ganhar flores, chorar oceanos com os filmes de Nicholas Sparks, ficar com os olhos brilhando com Orgulho e Preconceito e outros detalhes que provam que o romantismo já faz parte do gene feminino (Será que a ciência já comprovou mesmo??! haha').

Tudo isso pode ser expresso nesse estilo supeeeer perfeito cheio de detalhes: rendas, pérolas, laços, babados, cores pastéis etc. Esse estilo, como disse, tem em sua essência toques vintage e passa a ideia de gentileza, encanto, delicadeza e fragilidade, tudo o que uma menina romântica quer passar.

Características do estilo: 
"Design: suave, não estruturado. Linhas curvas, com caimento discreto sobre a silhueta. Muitos e pequenos detalhes. Roupas soltinhas, ombros suaves e naturais. Cintura marcada. Saia amplias, de tamanho médio a largo. Buscam a feminilidade. Adoram boleros, coletes e muito babado.

Cores: neutras e tons pastéis, com valor de médio a claro. Estampas com pequenas flores ou desenhos.

Materiais: suaves com caimento e textura leve. Fluídos e delicados. Chiffon, crepe, seda, rayon, veludo e angorá. Padronagens com desenhos pequenos, florais, laços, rendas, bordados e pregas.

Cabelo: suave, ondulado e com algumas mechas. Com textura, volume e movimento. Qualquer tamanho. Usam solto ou preso. Tons loiros, castanhos, com luzes e reflexos dourados.

Maquiagem: luminoso, delicado, suave; blush cor pêssego. Tons claros e pastéis.Adoram rosa!

Acessórios: delicados e com desenhos rebuscados. Ouro, prata, prata antiga, pérolas e jóias antigas. Corações, flores, lágrimas etc.

Sapatos: com laços e muitos adornos. Sandálias de salto baixo e médio."

 Fonte: Também é moda! 


Vamos ver alguns looks?!







Inspirações:






Fotos: GoogleImages  
Se alguma dessas é de sua autoria, favor entre em contato para que sejam dados os devidos créditos.

Espero que tenham curtido esse estilo como eu! *--*

Abraços, 
Claudiane Almeida


Testemunho

Testemunho | Rafaela

13:49


Eu sempre fui uma menina quieta, calada, tímida, triste, eu sempre fui uma menina solitária. Passei a minha infância e parte da minha adolescência em um profundo vazio, não sabia como preencher e nem como explicar o tamanho desse vazio, mas sabia que algo me faltava. Minha infância não teve muitos sorrisos, passei por conflitos emocionais que só eu sabia. Com a separação dos meus pais quando eu tinha por volta dos 9 ou 10 anos, tudo piorou, tive que me mudar pra São Paulo, e ficar separada da minha mãe, brigava muito com meus irmãos e por ser quieta demais não era fácil pra mim fazer novas amizades, assim continuei ''sozinha''. Em festas familiares eu não ia, e se ia não falava com ninguém, na escola ficava sempre no meu canto, em casa eu era a esquisita, pois parecia que ''ninguém me entendia''. Partindo agora para o começo da minha adolescência, eu continuava sendo a mesma Rafaela, vivendo uma FALSA felicidade, ninguém sabia o que eu sentia, como eu estava por dentro, era eu e minha solidão.

Em um determinado dia minha prima me chamou pra ir na igreja dela, fui e senti algo diferente em meu coração. Comecei a frequentar a igreja e permaneci por cerca de 2 anos ali, mas meus pensamentos voltaram e eu não contava nada pra ninguém, não tinha uma base, me desviei, voltei pra minha DEPRESSÃO. Fiquei 4 anos afastada, 4 anos jogados fora, 4 anos de uma FALSA FELICIDADE, com lágrimas. A Princesa não existia, o choro atrapalhava o bilho dos seus olhos, ela não conseguia mais sorrir, ela não tinha motivos, ela vivia num mundo cinza, sem cor, num vazio, em uma dor. Mas tem um final feliz nessa história, lembra da minha prima? Então, ela perseverou e NUNCA desistiu de mim, por 4 anos ela ouviu os meus NÃOS, ouviu as minhas DESCULPAS, mas não desistiu. Estou agora em outro ministério, vivendo uma nova fase da minha vida, vivendo uma VERDADEIRA FELICIDADE, vivendo ao lado de Jesus. Não foi fácil, mas aprendi que Deus nunca se esquece de cada uma de nós, que Ele sabe o que estamos passando, Ele conhece o nosso coração, Ele não desiste de nós em nenhum momento, Ele nos ama com um amor INCONDICIONAL, o amor que mudou a minha vida, o amor que PREENCHEU o vazio que eu sentia, o amor que trouxe de volta o meu SORRISO, o amor que me faz VIVER. Se entregue a Deus assim como Ele entregou seu Filho Jesus por você, e deixe ele guiar os seus passos. Venha viver os sonhos de Deus pra sua vida, você é uma jóia preciosa, você é uma PRINCESA, você é FILHA DO REI.